Blog Le Santé, Le Santé, Saúde

Cateter port-a-cath, quais são os benefícios?

5 de dezembro de 2019
O cateter é responsável pela administração de medicamentos e coleta sanguínea. É uma opção mais eficiente e segura para o paciente oncológico.

Em algumas situações o médico pode indicar a implantação de um cateter totalmente implantado, chamado de Port. O mesmo é responsável por gerar segurança e maior qualidade para as infusões da medicação do paciente em tratamento oncológico. Essa indicação de cateter pode variar de acordo com o acesso venoso do paciente e o protocolo de quimioterapia a ser implantado em cada um. 

O cateter é responsável pela administração de medicamentos e coleta sanguínea. É uma opção mais eficiente e segura para o paciente oncológico. Para colocação do mesmo é necessário se submeter a um procedimento cirúrgico simples que é realizado por um cirurgião vascular. É necessário apenas uma anestesia local e a duração do procedimento é de 30 minutos, podendo chegar até uma hora. A administração de medicamentos via cateter pode ser realizada logo após a implantação do mesmo. 

O reservatório do cateter fica localizado na parte torácica do paciente. O medicamento ou coleta de sangue é realizado pelo profissional da enfermagem após fazer a assepsia do local. No início da aplicação o paciente pode sentir algum desconforto entretanto a sensação diminui de forma gradativa. 

Uma das maiores vantagens de se utilizar um cateter são: 

  • Altamente durável (podendo realizar até 200 aplicações); 
  • Baixa taxa de infecção; 
  • Ajuda a evitar punções frequentes; 
  • Maior conforto para o paciente; 
  • Alto nível de assertividade no tratamento pois evita o extravasamento da droga aplicada. 

Caso haja alguma dúvida relacionada do uso ou aplicação de um cateter, entre em contato com seu médico.

Conheça os principais tratamentos contra o câncer clicando aqui .

No Comments

Leave a Reply